Federação Gaúcha de Ciclismo

NOTÍCIAS

Cuidados para não comprar uma bike roubada

Bicicletas carregam muito mais do que peças: trazem consigo princípios, cuidados com o meio ambiente, carregam grandes atletas e trabalhadores, formando grupos de união pelo mundo afora. 
 

INTERROGUE!

- Preço “bom demais para ser verdade”:

Ao receber uma oferta ou identificar um anúncio interessante, verifique se a quantia está de acordo com o que o mercado pratica. Claro, existem fatores que podem deixar o valor de venda um pouco mais baixo, algum pequeno defeito, por exemplo, mas “descontos” elevados e valores muito inferiores podem caracterizar que se trate de um produto roubado.

 

- Fotos não corresponde ao produto anunciado:

Os golpes são ainda mais fáceis quando são feitos virtualmente ou por jornais. Para atrair compradores e não chamar a atenção do verdadeiro dono, os criminosos não costumam publicar fotos reais da bike que estão tentando vender, mas fotos genéricas do mesmo modelo.Por isso, esteja atento aos detalhes e confira pessoalmente se a bicicleta é a mesma.

 

- O vendedor não conhece a bike;

Uma dica interessante é fazer algumas perguntas, assim você identifica se o sujeito sabe alguns detalhes da bicicleta. Possíveis peças trocadas, histórico da bike, ano de série, modelo, etc. Se perceber que ele se atrapalha nas respostas ou se mostra inseguro, desconfie. Afinal, se a bicicleta fosse sua, você não saberia responder a esses questionamentos simples?

 

- Analise a procedência:

Caso a bike tiver sido comprada recentemente e você estiver muito desconfiado de sua procedência, pergunte se o vendedor possui algum documento que comprove a compra como notas fiscais, certificados de garantia, etc. Outra saída é pedir para ver fotos da bike sendo usada pelo próprio vendedor.

 

- Solicite número de quadro, de série ou ambos:

Com essas informações você pode fazer uma busca na internet pelo registro. Algumas empresas oferecem o registro voluntário das bikes em suas páginas. Em alguns sites de busca, é até possível encontrar registros de bikes roubadas.

 

COMBATA A COMPRA!

Faça tudo o que puder para evitar a compra de uma bike roubada. Tenha em mente que nem sempre vale a pena pagar menos às custas do prejuízo alheio. Além de criar um mercado que alimenta o roubo, você pode ter sérios problemas caso o dono identifique a bicicleta dele em seu poder e o acuse de tê-la roubado.

_
Campanha alusiva ao fato ocorrido com nosso ciclista Roberto Rodrigues, que teve sua loja Betos Bike, da cidade de Novo Hamburgo, arrombada enquanto disputava o Campeonato Brasileiro no Piauí, no último sábado. Foram roubadas diversas bikes e peças de sua loja.

_
#NãoCompreBikeRoubada

 

Comunicação e Marketing – FGC

Telefone:  (51) 21074838 / (51) 998738284 
E-mail: fgc@fgc.com.br
Acompanhe as notícias da FGC no Facebook

Compartilhe